São José - Campinas
Santa Catarina - Brasil
Whatssap 24hs
(48) 99915-5423
Nosso melhor Email
contato@srvfloripa.com.br

Como produzir um vídeo de sucesso para o YouTube

Como produzir um vídeo de sucesso para o YouTube

O YouTube tem grande influência sobre conteúdos e culturas hoje no mundo inteiro e isso não é à toa, 1,5 bilhão de pessoas no mundo conectam o site todo mês e só no Brasil são 98 milhões de pessoas logadas no YouTube. Com esses números concordamos quando a própria rede afirma que “se você está online, uma hora vai dar play aqui”. Então é bom você investir no formato multimídia e começar a produzir vídeos para o YouTube.

Por que preciso produzir vídeo?

A necessidade das pessoas que procuram o YouTube hoje é solucionar problemas que elas possuem e os vídeos costumam trazer essa solução de forma rápida, prática e principalmente de fácil entendimento. O papel das empresas que vão produzir vídeos no YouTube é justamente atender essa demanda e ajudar seus clientes a entenderem os serviços/produtos que adquirem.

Antes de começar produzir vídeos é necessário saber quem é o seu público, ou seja, para quem o material vai ser criado. Somente com essa informação você vai conseguir definir qual é o tipo de conteúdo que você vai produzir, os assuntos que vai abordar, quantas vezes vai publicar no YouTube e tudo o que envolve a criação de conteúdo em vídeo. Além disso, você saberá como posicionar e otimizar o seu canal para conseguir atrair uma audiência cada vez maior e um público cada vez mais relevante.

Mas então: Como se destacar no youtube com tantos vídeos e conteúdos nas redes? O que precisa ser feito para se tornar um diferencial e ter um material efetivo?

Camilo Coutinho, estrategista digital (que palestrou no RD Summit em 2017), ensinou um novo termo para começar uma estratégia no canal de youtube. O termo que ele utilizou foi CEQC, que significa: Conteúdo, Estratégia, Qualidade e Consistência. Esses 4 pontos são essenciais para que seja possível se destacar dentre os vários vídeos que estão upados no YouTube.

Vamos entender o que cada letrinha dessa significa e o que podemos fazer para produzir um vídeo de sucesso e engajar o público com o canal:

1- C de Conteúdo: A parte principal do vídeo

É necessário ter um planejamento do conteúdo que vai virar vídeo. Para engajar o público é importante que o conteúdo seja de qualidade, para isso, a pessoa que vai pensar no conteúdo deve dominar o assunto. Se não domina, é preciso estudar, pesquisar, perguntar para o seu público o que eles querem saber. Peça ajuda da equipe, faça brainstorm, converse com os especialistas.

Tudo isso fará uma enorme diferença no conteúdo final, pois ele foi pensado e planejado com todos os detalhes e é a partir dessas ideias e definições iniciais que é possível começar a produzir o vídeo.

Mas claro, comece pelo roteiro e só depois vá para a gravação. O roteiro é o seu guia, com ele você cria a estrutura e a ordem de todo o conteúdo que será mostrado no vídeo, sem ele você pode acabar esquecendo de alguma informação importante.

Manter a produção de vídeo atrelada aos conteúdos do site e blog é uma ótima estratégia para aproveitar ao máximo todo o material produzido. Uma boa maneira de fazer isso é ter um vídeo que acompanhe um post do blog, tanto adicionar o vídeo ao texto escrito, quanto o contrário. Reutilize os conteúdos que já estão prontos em novos formatos.

2- E de Estratégia: Defina seu posicionamento

Quantos vídeos por semana? Como divulgar o vídeo? Onde divulgar além do YouTube?
Essas são as primeiras perguntas que devem ser feitas antes de começar a produzir os vídeos no YouTube, pois é necessário ter em mente qual será a frequência do material e a forma de divulgação para colocar no cronograma a produção e compartilhamento dele.

Além da divulgação é importante se preocupar com os resultados orgânicos: coloque sempre um bom título, descrição coerente com o conteúdo e tags relevantes. Sempre seguindo as práticas de SEO para ajudar o Google a entender onde o seu vídeo se encaixa exatamente e em quais pesquisas ele deve aparecer.

3- Q de Qualidade: Temática, Identificação, Valor e Seja incrível

A estratégia está definida, o conteúdo foi estudado e roteiro está pronto, mas e agora? Bom, o sucesso do canal no YouTube não depende apenas disso. A qualidade é primordial para receber um retorno da sua audiência. E quando falamos de qualidade não é apenas da parte técnica e equipamento, é sobre o conteúdo também.

O conteúdo precisa ter relevância, tem que responder e solucionar as dúvidas do seu público e deve ter coerência. Por isso, é tão importante saber para quem o vídeo está sendo direcionado – e isso é pensado lá na primeira etapa de planejamento

Mas o que todo mundo quer saber é: como tornar o conteúdo compartilhável? Como produzir um vídeo de sucesso? Você pode seguir as quatro dicas abaixo:

  • Temática: procure saber o que está bombando nas mídias sociais, quais assuntos estão sendo falados e o que está na moda. Depois pense se faz sentido para o seu negócio “entrar na onda”, se não fizer, avalie se vale a pena investir tempo e dinheiro em algo que chama menos atenção.
  • Identificação: com a segmentação de público feita, você já sabe quais são os gostos da sua audiência. E também sabe que o que o público “A” gosta e precisa, nem sempre é o que público “B” deseja. Criar uma identificação entre os diferentes perfis é essencial, tente uma estratégia de aproximação com eles usando assuntos ‘coringa’ – que agrada todo mundo.
  • Valor: agregue valor para a sua audiência oferecendo vídeos úteis e relevantes. De acordo com o próprio YouTube, tutoriais estão entre os vídeos mais assistidos. E isso, se deve ao que foi falado anteriormente, pessoas procuram solucionar seus problemas e os vídeos tutoriais dão o passo a passo.
  • Seja incrível: ter qualidade é se esforçar e trabalhar duro, não é apenas sentar e criar um vídeo da noite para o dia. Defina um porque para o vídeo – um propósito e pense com carinho em quem irá receber esse conteúdo – tenha empatia.

4- C de Consistência: Aumentar a relevância

É preciso manter uma consistência, tanto de frequência de publicação quanto de identidade. Isso aumenta a credibilidade do canal pois mostra uma preocupação e responsabilidade com o material produzido – o que transmite muita confiança para o público.

Quanto maior a frequência de publicação, maior é o contato com a audiência. E melhor ainda se forem vídeos periódicos, assim o público que gosta e acompanha, vai sempre procurar por um novo conteúdo sempre naquela mesma semana ou dia.

Manter a identidade é fazer vídeos com estruturas parecidas ou playlists com temas semelhantes. Isso agrega valor e aumenta a relevância para o canal. Além disso, facilita a procura pois o usuário vai conseguir encontrar com mais facilidade o tema procurado, ou a playlist.

Como criar roteiros?

É apenas com o roteiro em mãos que o vídeo vai começar a ser produzido. Por mais que muitos não achem importante o roteiro, os furos de conteúdo e falta de informação nos vídeos podem acontecer sem ele e com isso, gerar retrabalho e perda de qualidade no produto final.
Mas existe uma receitinha que vai ajudar na criação do roteiro para produzir o vídeo. Apenas utilizando algumas perguntas básicas é possível chegar no conteúdo perfeito.

  1. Quem é o cliente?
  2. O que a empresa faz?
  3. Quem compra?
  4. Quando compra?
  5. Diferencial?
  6. O que acontece se não comprar?

Esse é um direcionamento fácil para começar o conteúdo. Mas pode ser mais completo ainda como:

  1. Descrição das cenas
  2. O que acontece?
  3. Vai ter trilha sonora?
  4. Onde vai ser feito a edição?
  5. Vai ter locução?

Com todo esse direcionamento fica mais fácil trabalhar com o conteúdo, iniciar o roteiro e captar as imagens. Esse alinhamento antes da gravação é essencial para que o material saia com qualidade, sem furos e também facilita todo o processo das pessoas envolvidas na produção do vídeo.

Dicas Bônus

Vídeos curtos ou longos?

O ideal é trabalhar com vídeos de até 1 minuto para trazer mais pessoas para o canal, se elas aceitarem bem o seu conteúdo, irão procurar outros vídeos. Mas, lembrando que é importante que todo o conteúdo seja passado, não adianta fazer vídeos curtos sem soluções ou explicações do assunto. Não tente alongar desnecessariamente os conteúdos curtos e acabar ‘enchendo linguiça’ ou encurtar os conteúdos longos e no fim não explicar nada. Cada tipo de conteúdo demanda um tempo de explicação e apresentação.
Mas se você ainda tem dúvidas sobre a duração dos vídeos, siga essa dica. Ela é apenas uma orientação, você não precisa seguir essa regra sempre.

  • Vídeos Curtos – para quem ainda precisa de uma explicação melhor de você ou do seu produto
  • Vídeos Longos – para quem já conhece você ou seu produto

Thumbnail

thumbnail é a famosa miniatura de imagens ou a capa que aparece nos vídeos do YouTube. Ela é extremamente importante para que o público se interesse pelo conteúdo que vai ser apresentado, pois ela é o primeiro contato da audiência com o seu canal. A thumbnail serve para diferenciar o seu vídeo dos outros que são relacionados nas sugestões do YouTube, ela precisa chamar atenção necessária e deve ser feita de uma forma que mostre o propósito e a identidade do seu canal.

Para criar uma thumbnail ideal ela precisa ter algumas características:

  • Pouco texto: para não atrapalhar a legibilidade
  • Em caso de vídeos em série: utilize numerações (ex 1, 2, 3)
  • Ícone ou logo do canal: para manter a identidade
  • Área útil: a informação importante deve ficar no lado esquerdo na horizontal, pois o demonstrativo de tempo ocupa o espaço oposto
  • Não faça todas idênticas: pois isso fica monótono e não chama atenção

Conteúdo periférico

A produção de conteúdo não acaba quando o vídeo é finalizado. Do vídeo principal você pode criar diversos tipos de conteúdos em outras mídias e formatos. Uma ideia é utilizar o vídeo criando um teaser ou um gif animado a partir dele. Pode ser feito um vídeo no formato quadrado com legenda, capturar uma foto de frame, lançar um meme do conteúdo e mais.
Outra oportunidade que pode ser aproveitada é fazer o making of gravando os bastidores da produção ou utilizar o vídeo em posts de blog e no site. O objetivo é aproveitar ao máximo o conteúdo produzido.

Para relembrar:

  • Foque na audiência
  • Saiba o que o seu público procura e o que ele precisa
  • Solucione os seus problemas
  • Planeje seu conteúdo
  • Crie um conteúdo bom e de qualidade
  • Crie o roteiro completo
  • Divulgue e cuide do SEO
  • Chame a atenção com a thumbnail

A construção da sua audiência dentro do YouTube é muito importante, e ela depende única e exclusivamente da produção de material. Não adianta querer alcançar um grande número de pessoas se os vídeos são postados a cada 2 meses. Precisa ter uma frequência e para isso, o planejamento inicial é essencial.

Fonte: Host


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido!